Gomalakka

A Gomalakka surgiu primeiro em 2005 como um coletivo performático e, nos últimos anos, foi ganhando “cara” de banda. 

O som tem uma forte pegada eletrônica e pós punk, às vezes até dançante, com letras reflexivas e sombrias sobre desilusão e a realidade caótica dos dias atuais. 

Ciça Braçale (voz e letras), Ale Vergueiro (bateria), Renato Maia (teclados), Flavien Arker (baixo) e Rodolfo Martins (guitarra) fazem parte do projeto, definido por eles mesmos como “Indietronica-eletrorock-pospunk-dancepunk-autoral”. 

O primeiro álbum completo da banda, “Quem vai ficar até o fim da festa?”, revela novas sonoridades, para além do tom festivo, e o desejo de responder ao contexto externo em que estamos vivendo. É um retrato do momento.

2021 © Coletivo Lança - via Seiva Digital